Estado

Sob forte esquema de segurança, Bolsonaro visita Santa Maria neste sábado

15/06/2019 10:18
 

Foto: Comunicação Social 3ª DE (Divulgação)

No fim da tarde deste sábado, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) chegará em Santa Maria para acompanhar a Festa Nacional de Artilharia (Fenart), no Regimento Mallet, ao lado do vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB). A passagem pela cidade marca a primeira viagem do presidente ao Estado desde que assumiu o Palácio do Planalto, em janeiro.

Além disso, marca o retorno de Bolsonaro a Santa Maria 26 anos depois de sua última visita ao Coração do Rio Grande, ainda como capitão do Exército e deputado federal pelo PPR (atual PP). À época, chegou a receber o título, na Câmara de Vereadores, de "Persona non grata", ou seja, que não era bem-vindo na Boca do Monte. Agora, Bolsonaro chega a Santa Maria como presidente e com moção a seu favor aprovada pelos vereadores, na quinta-feira.

Órgãos de segurança realizaram testes e trabalharão de forma integrada durante todo o sábado. Haverá também alterações no trânsito com bloqueios de ruas e mudanças nos estacionamentos. O forte esquema foi adotado por conta do atentado sofrido pelo presidente no período eleitoral.

A partir das 17h, Bolsonaro deve pousar na Ala 4 (antiga Base Aérea), onde apoiadores devem aguardá-lo e acompanhá-lo em carreata até o Mallet. Ainda na manhã de sexta, os protocolos de comboio com viaturas policiais foram testados em ruas do Centro. O esquema deve ser cumprido durante o deslocamento de Bolsonaro da Ala 4 até o quartel.

O serviço de segurança deve ser feito pelo Exército, com auxílio dos órgãos de segurança de Santa Maria, como Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Brigada Militar e Guarda Municipal. De acordo com o chefe da delegacia da PRF de Santa Maria, Heder Macedo, o foco será na integração.

- Todas as forças de segurança estarão integradas tanto no policiamento quanto no trânsito. As duas lideranças máximas do país estarão na cidade, e precisamos garantir que tudo aconteça de forma segura - destaca Macedo.

No entorno do Regimento Mallet haverá bloqueio de ruas a partir das 17h, e a Guarda Municipal deve auxiliar no policiamento da região juntamente com a Brigada Militar, já que são aguardados manifestantes nos arredores do local.

Fonte: Diário de Santa Maria