Geral

Carnaval de Caçapava do Sul deve ter dois desfiles e participação de três escolas de samba

Uma das novidades da festa popular deste ano é que a corte do Carnaval poderá ter rei e rainha trans

23/01/2020 14:35
 

Foto: Arquivo/Prefeitura

Os representantes das escolas de samba do município, Nilberto Freitas - Lalala e Pedro Henriques, da Leões da Fiel; Eliete Gomes Luiz, da Unidos da Vila Sul e Suellen Oliveira, da São João, afirmaram em uma reunião ontem (22) que os ensaios para o Carnaval começam nos próximos dias.

De acordo com a Prefeitura, a previsão é de que o evento deste ano tenha dois desfiles: um de abertura, no sábado, dia 22 de fevereiro, e outro de encerramento, dia 25 de fevereiro. As três escolas de samba garantiram participação na festa popular.

Conforme o secretário de Cultura e Turismo, João Timótheo, está aberto o edital para a contratação da produtora de shows e entretenimento, assim como já ocorreu na edição 2019. A abertura das empresas interessadas ocorrerá na próxima semana. Posteriormente serão definidas as atrações artísticas.


Novidades

Cada uma das escolas de samba terá um espaço nominado para a comercialização de produtos (seja alimentos, bebidas, ou mesmo abadas e suvenir) para auxiliar na arrecadação das agremiações carnavalescas.

Outra mudança atende a pluralidade e identidade de gênero. De acordo com a Prefeitura, mulheres-trans e homens-trans caçapavanos podem concorrer a Rainha e Rei-Momo, respectivamente. Além disso, a corte contará apenas com uma vencedora em cada uma das 3 categorias, sem a vice-campeão, que ficava com a faixa da Princesa, sendo somente Rainhas neste ano.

A escolha da Corte está prevista para 8 de fevereiro. O local ainda não foi definido. Os valores cobrados na entrada do evento (R$5,00) e toda a arrecadação com vendas de alimentos e bebidas serão repassados às Escolas (responsáveis pela Copa e Bilheteria).

Para se inscrever para Rei Momo Adulto, é preciso ter a idade mínima de 20 (vinte) anos; ser caçapavano naturalizado e participar de prova artística de conhecimento e simpatia; Rainha Adulta – deverá ter a idade mínima de 20 (vinte) anos e sambar; Rainha Juvenil – deverá ter idade mínima de 17 (dezesseis) anos e máxima de 19 (dezenove) anos e saber sambar; Rainha Infanto-juvenil – deverá ter idade mínima de 13 (treze) anos e de 16 (dezesseis) anos máxima e saber sambar.

A Corte Vencedora terá de cumprir agenda de divulgação na semana que antecede o Carnaval, visitar municípios da região e poderá, ainda, concorrer a título Estadual e desfilará no Grupo Ouro do Carnaval de Porto Alegre.


Foto: Divulgação/Prefeitura

Farrapo




Topo